Meditações

INJUSTOS RESERVADOS PARA O DIA DO JUÍZO

INJUSTOS RESERVADOS PARA O DIA DO JUÍZO

 

‘Porque o Senhor sabe livrar da provação os piedosos e reservar, sob castigo, os injustos para o Dia de Juízo” (2 Pedro 2:9).

 

Marquês de Maricá certa ocasião disse: “A impunidade tolerada pressupõe cumplicidade." Deus não tolera a impunidade nem é complacente com os injustos. Sobre isso, no texto sagrado acima há lições preciosas. Vejamos:

Primeira, Deus livra aqueles que foram alvo de injustiças e sofreram provações neste mundo. O texto diz: “o Senhor sabe livrar da provação os piedosos”. Deus sabe. Muitas vezes não sabemos o que fazer em meio a tantas injustiças, mas Deus sabe. Deus sabe livrar os piedosos.

Segunda, neste mundo a impunidade pode prevalecer por algum tempo, mas Deus sabe “reservar sob castigo, os injustos”. Os injustos já foram apanhados pelo Senhor. Os injustos podem protelar castigo neste mundo, mas estão reservados sob castigo para o dia do juízo. Muitos que cometeram injustas podem escapar ilesos neste mundo, mas estão reservados para um acerto de contas no dia do juízo.

Terceira, nenhum injusto será absolvido no “Dia do Juízo”. Neste mundo não causa estranheza quando um injusto é absolvido pelos tribunais humanos, mas haverá um dia em que todos os injustos estarão diante de um Justo Juiz que não tem por inocente o culpado nem o culpado por inocente.

Neste mundo o tempo tem o poder de ofuscar muitas injustiças praticadas ou como disse Wesley E. Hayas “o esquecimento é o adubo que nutre a impunidade”. No entanto, nem a eternidade será suficiente para fazer Deus esquecer injustiças praticadas que não foram confessadas e perdoadas por Ele.

 

Oração: Querido Deus, livra-me de cometer qualquer ato de injustiça e se porventura já pratiquei injustiça a traga a minha memória para que eu as confesse ao Senhor e peça misericórdia.

 

Athos no Facebook

Athos & Meditações

O que dizem sobre nós

Só uma escola com uma excelente estrutura, pode oferecer o melhor para nossos filhos, estrutura essa, tanto em suas instalações, quanto acadêmica e espiritual. Ricardo Luis

"Eu gostei de aprender de forma prática sobre os paralelos e meridianos. Eu gostei de fazer a bola com a minha mãe, usando barbante, cola de isopor e alfinetes".  Ana Cecília - 6º ano A

«
»